O que disse Sarah Farias sobre o show de Madonna em Copacabana

Neste sábado (4) a cantora americana Madonna fez um show para 1,6 milhões de pessoas nas areias de Copacabana. Segundo a cantora Sarah Farias a artista afrontou o meio evangélico e disse tudo o que pensa sobre ela.

Na sua conta do instagram, Sarah pediu aos seus seguidores que parem de postar imagens do show da cantora.

“Não posem imagens da trágica performance de Madonna. A pessoa só pessoa só dá o que tem, esperavam outra coisa?”

Ainda na legenda da foto, a artista evangélica, conhecida como uma das grandes cantoras gospel, disse que achou irresponsável o show ter sido transmitido ao vivo sem nenhum tipo de corte.

“Teve cenas piores ainda. Achei irresponsável ter sido transmitido ao vivo sem nenhum tipo de corte.
O show é um resumo dos 40 anos de profanação da carreira dessa artista. Então já era de se esperar a baixaria patrocinada pelo dinheiro público. Ela nunca escondeu o ódio que tem pelos símbolos do cristianismo, tanto que faz questão de usá-los em suas performances. Parem de dar ibope, apaguem esses vídeos. Não compartilhem. Vida que segue.” disse.

O Show de Madonna foi em grande maioria pornográfico e segundo alguns cristãos foi uma ofensa com alguns símbolos considerados sagrados.

Alguns bailarinos entraram desfilando de capas pretas segurando turíbulos, espécie de defumador usado na Igreja Católica. Outros simularam uma espécie de crucificação em uma estrutura redonda montada no fundo do palco.

Madona surge  em uma cama, sensualizou e chegou a simular uma masturbação. Enquanto isso,  durante a música, as dançarinas executaram a coreografia com os seios de fora e ainda rolou um beijo lésbico entre Madonna e uma das bailarinas.

Em um dos momentos, um dos dançarinos exibiu uma tanguinha fio dental toda cravejada com a bandeira brasileira.

Comentários estão fechados.